Atendimento: 2ª a 6ª feira 08h00 às 11h00 (Horário MS)
(67) 3209-2500

Acessibilidade

A+
A-

Temperatura

Flores são plantadas na praça Getúlio Vargas em homenagem às mulheres


Publicado em: 08/03/2017 13:45 | Fonte/Agência: Assessoria de Comunicação | Autor: Tharyana Durigon

Flores são plantadas na praça Getúlio Vargas em homenagem às mulheres

Foto: Marcos Barros

Toda mulher gosta de flores! Ao menos é o que a maioria diz e espera receber no Dia Internacional da Mulher. E, mesmo que existam aquelas que não se importem muito com isso, a verdade é que há muitas semelhanças entre as flores e as mulheres: A beleza, a delicadeza, a força e a capacidade de permanecerem firmes diante de inúmeras adversidades que podem surgir em um único dia. E quase sempre surgem!

Em respeito à graça e à garra de cada mulher, a Prefeitura Municipal de Jardim deu vida ao projeto: “Mulheres que Florescem Jardim”, na manhã desta quarta-feira (8), na praça Getúlio Vargas. A ideia do projeto, além de homenagear o público feminino, é deixar a cidade mais bonita para os moradores, e fazer jus ao nome: Jardim.

“Queremos deixar nossa cidade florida, colorida; e ao mesmo tempo é uma forma de homenageá-las com algo que seja duradouro. E ao longo dos anos vamos fazer o mesmo em outros pontos da cidade”, disse a primeira-dama, Robertha Peixoto, no evento que reuniu servidoras públicas municipais e representantes do setor público, jurídico, do comércio, das igrejas, bancos, força militar, entre outros.

O prefeito de Jardim, Guilherme Monteiro (PSDB), lembrou da paciência e da vocação que as mulheres têm para amparar, acalmar e lutar pelas conquistas, citando aquelas que, em muitos casos são responsáveis pelo sustento do lar. “Eu conheço muitas mulheres que seguram as ‘pontas’ em casa, que pagam as contas, pagam o estudo dos filhos. Correm atrás mesmo. E isso é muito importante. A mulher tem que trabalhar e lutar pelo seu espaço no mercado de trabalho. E, principalmente, ser respeitada pela sociedade”.

Monteiro aproveitou a oportunidade para chamar a dona Maria, servidora que toma conta da copa da prefeitura, e dizer o quanto a história dela é insipiradora. “Dona Maria, eu te vejo todos os dias. E toda vez que eu vou até a copa para tomar seu café, eu olho e me inspiro na senhora, que passou por tantas dificuldades e não esmoreceu”.

Em seguida, foram entregues placas personalizadas com o nome do projeto para as 40 mulheres representantes dos diversos setores da cidade.

A primeira-dama aproveitou, ainda, e pediu doações de mudas de orquídea, que também serão utilizadas no projeto. As doações devem ser entregues no Centro de Atendimento ao Turista (CAT).

Sendo assim, este ano, nenhuma mulher pode dizer que não recebeu flores no Dia Internacional da Mulher; pois, as flores plantadas nos canteiros da praça Getúlio Vargas são dedicadas à todas jardinenses de nascimento, criação e coração.